Blog SP a Pé

Topo
Blog SP a Pé

Blog SP a Pé

Categorias

Histórico

Você sabe o que são "ruas de lazer"?

Adriana Terra

29/07/2019 14h34

Rua Maria José fechada para lazer. Crédito: Edgar Bueno / Coletivo Cinequebrada

Projeto municipal criado na década de 1970 pela Secretaria de Esportes e Lazer, que teve fases e ganhou nova cara em 2014, ele engloba uma série de ruas da cidade que, a pedido das comunidades locais organizadas, são fechadas para automóveis aos domingos e feriados, podendo receber atividades diversas, ao estilo da avenida Paulista.

A ideia é desfrutar do espaço público por meio de ações socioculturais, esportivas e recreativas que sejam do interesse de cada vizinhança e se adaptem ao espaço em questão. Pode ter rede de vôlei, mesa de ping pong, roda de capoeira, roda de samba, show de rock, peça de teatro, DJ, contação de histórias. Funciona como uma forma de manter viva a identidade daquele lugar, já que depende de uma organização de fato popular: é feita por quem mora ali e para quem mora ali.

E, claro, uma rua aberta em um dia costumeiramente de descanso abre espaço para outras ações menos programadas: almoço comunitário com mesa na calçada, churrasquinho… É, ainda, uma alternativa de lazer em bairros com poucas áreas verdes.

Para participar do projeto, é necessário ter a aprovação de ao menos 80% dos moradores do trecho e passar por uma análise da Subprefeitura e da CET. Aqui dá para saber mais sobre.

LEIA MAIS: Portal Aprendiz – Ruas de Lazer: liberdade e autonomia para as crianças

Capoeira da Casa Mestre Ananias na rua Maria José. Crédito: Edgar Bueno / Coletivo Cinequebrada

No último domingo (28), uma rua na região central de São Paulo estreou no projeto. Na Bela Vista, a Maria José, travessa da avenida Brigadeiro Luís Antônio sentido centro, passou a ser interditada para carros e aberta ao público com atividades de recreação, consolidando e ampliando hábitos que já rolavam por ali: crianças brincando, moradores curtindo o espaço público com cadeiras nas calçadas da via, conhecida por abrigar um largo que é palco de torneio de futebol notório no bairro, o Campeonato Inter Ruas.

Um cartaz assinado pela Comunidade Maria José colado nas paredes de comércios da região pede que os moradores não estacionem carros na rua aos domingos e feriados, e convida todos a trazerem amigos e família nos dias de lazer, destacando, ao fim, a importância da união: "todos somos um". A colaboração da vizinhança é fundamental para o projeto, e essa me parece ser uma das coisas mais potentes dele.

Quer saber se tem rua de lazer perto da sua casa e entender a iniciativa na prática? Fiz um mapa abaixo reunindo as vias ativas no programa. Também dá para acessar o decreto que explica direitinho o projeto, reformulado na gestão Haddad, que expandiu a ideia com o Ruas Abertas, cujo símbolo é a já citada avenida Paulista. A título de curiosidade, aliás, vale essa leitura: uma reportagem de 2015 do jornal Folha de S. Paulo fez comparativo da opinião pública diante da ideia do Ruas de Lazer em sua origem, na gestão de Olavo Setúbal nos anos 1970, e diante da resistência enfrentada com o Ruas Abertas quarenta anos depois.

Sobre a autora

Adriana Terra é jornalista e gosta de escrever sobre a cidade e sobre cultura. É co-criadora da série “Pequenos Picos”, mapeamento afetivo de comércios de bairro da capital paulista, e mestranda em Estudos Culturais na EACH-USP, onde pesquisa lugares e modos de vida. Foi criada em Caieiras e há 15 anos vive no centro de São Paulo. Na zona noroeste ou na Bela Vista, sempre que dá, prefere ir caminhando.

Sobre o blog

Dicas de lugares, roteiros, curiosidades sobre bairros, entrevistas com personagens da cidade, um pouquinho de arquitetura e mais experiências em São Paulo do ponto de vista de quem caminha.